Kelly Rowland é capa da revista Vibe de Agosto

Essa é a capa da revista Vibe de Agosto/Setembro, que estará nas bancas internacionais no dia 16. Na entrevista, ela vai contar tudo desde os Knowles em sua vida, até as compras em Sex Shops com as amigas. Confira algumas respostas liberadas pela Vibe Magazine:

→ SOBRE SER MAIS APRECIADA NA EUROPA DO QUE EM CASA (EUA)

VIBE: O último álbum não foi muito bem nos EUA. Mas foi ótimo no outro lado do Altlântico, principalmente na Europa. Você se acha mais apreciada na Europa?

Kelly Rowland: Não, Não realmente. As pessoas continuam me comparando com a B lá também. Eu disse numa entrevista recentemente, “Sabe? Se vocês forem mais inteligentes e me perguntarem sobre eu mesma nós tínhamos uma entrevista muito melhor.” Você não pode esperar uma história de mim e continuar me perguntando sobre o passado.

→ OUTRA COMPLICADA RELAÇÃO COM MATHEW KNOWLES 

VIBE: Quando você saiu da última reunião com o Mathew, como você se sentiu?

K-Row: Eu me senti confiante, mas eu também pensei, “Oh Meu Deus, o que eu fiz?!” Eu fiquei em casa por dois dias. Fiquei triste. Era como um funeral. Eu tinha que abrandar aquela situação, para que começasse de novo. Era muito tempo tendo o mesmo gerente e a mesma gravadora.

VIBE: E sobre sua relação pessoal com o Mathew Knowles. Você continua falando com ele?

K-Row: Mathew mandou flores no meu aniversário?

VIBE: Mas você falou com ele?

K-Row: É… Eu o respeito acima de tudo.

→ SOBRE O SEU LADO SEDUTOR E COMPRAS EM SEX SHOPS

VIBE: Continuando nesse tema… Vamos falar sobre a canção “Motivation”. Eu tenho que admitir que a música estava completamente na minha cabeça. Eu pensava até na hora que estava malhando.

K-Row: (Risos) Não, querido.

VIBE: Quando você ouviu a canção, você pensou que talvez fosse muito picante para sua imagem?

K-Row: Não completamente. Toda mulher sabe como é se sentir – confiante. Mas ninguém esperava que fosse cantar sobre isso. O que é verdade. Mas eu amei tanto a música. E sim, eu quero relacionar com isso. Eu entrei na minha sexualidade enquanto estava gravando o álbum. Eu ando em sex shops agora e não me importo com o que as pessoas poderiam dizer se me vissem neles.

VIBE: Você realmente faz isso? Vai a sex shops?

K-Row: Sim! Com as amigas. Eu vou na hora certa. De madrugada. 1 da manhã. Os realmente bons são os que abrem até tarde.

Fonte: Vibe Magazine

Sobre Diego Sioli

Menino que veio do interior para descobrir a Comunicação Social, o Pop, o Designer, a Beyoncé, os Blogs e essas coisas excitantes da cidade grande... Ver todos os artigos de Diego Sioli

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: